..........and believing that tomorrow will be better, even with tears ready to fall ,have to smile so that anyone else feel our pain.

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Querer

Olá miguitos,como estão??bem??..espero que sim,eu estou bem.
Como já repararam eu eliminei,uma das paginas do meu livro que tinha deixado no blog para vocês irem acompanhando a história e,vou explicar porque eliminei,não seria correcto da minha parte vos dar a conhecer a minha obra sem vos mostra a primeira pagina,por isso a medida que vou desenhado e escrevendo vou digitalizar e para que vocês tenham o prazer de ler o que escrevo,espero que gostem,pois ele tem partes bem reais da minha vida,fiquem bem miguitos beijokas bem fofas.








"A vida nem sempre nos apresenta bons momentos,mas existem alguns que são bem mais difíceis de recordar......"













"Seria o momento perfeito aquele,lembro me tão bem como se fosse hoje,aquelas duas pérolas brilhavam para mim como um raio de sol,sentia um orgulho tremendo em ser sua filha,não existia mulher tão bela quanto aquela,por onde passava deslumbrava tudo e todos,era a mulher perfeita,mas tal mulher não existe não é?...é...o importante é que na minha cabeça existia a mulher e a mãe perfeita,ainda não consigo perceber o porquê,senti sua mão tocar na minha como se fosse a ultima vez ,tudo deixou de fazer sentido....nada mais era perfeito"

"....um momento perfeito tornou se numa angustia,num desespero,por muito que quisesse parar não conseguia,as lágrimas simplesmente caiam e, eu...e eu e eu não sabia como lidar com aquele tipo,de dor ....,a dor de ser deixada para traz,a dor de ser deixada por quem se ama."




"Eu te amo.....Eu venho te buscar......"





"......serão estas as suas palavras de consolo,serão estas as palavras de fuga,serão estas as suas ultimas palavras para mim..."











"Ali estava eu,a espera que nada daquilo fosse real,ali estava eu a espera que ela voltasse para mim,ali estava eu............"...."na realidade a minha vontade foi correr,correr e dizer lhe,por favor não me deixes,por favor não me abandones,mas ali fiquei eu,parada,como uma pedra,aquela estrada parecia um deserto nem carros nem pessoas,as próprias árvores estariam despidas eu não poderia contar com ninguém nem mesmo com ela,pois já a deixara de ver,aquele momento foi......um vazio,sim aquele momento foi um vazio,pois quando dei conta,apenas o vazio existia,eu....eu...era um nada no meio do nada,o meu mundo tinha me abandonado
,e nada mais fazia sentido."

"Eu estava só e,durante  muito tempo me senti só,lembro me daquelas palavras "depois venho te buscar"mas esse depois foi muito tempo.
A dor que esse depois venho buscar criou em meu peito foi tão grande que houve momentos em que pensei que o meu coração fosse parar de bater,nenhuma das dores que viria a sentir mais tarde se comparavam aquela ,pois essa foi me dada pela mulher que eu amava."



"Humm...acredito que meu corpo nunca tremeu tanto como nesse dia,sentia me perdida em mim,queria evaporar....desaparecer,não por momentos mas para sempre,pois teria que mais uma vez ser a coitada(a coitada que foi abandona pela mãe)e não queria ser coitada,a escola nunca ficou tão longe,eu queria caminhar e fingir que nada se passava,ma como?,se as lágrimas não paravam de correr,....dói....dói...eu quero parar de sentir o que estou a sentir,porque dói....dói muito,quero fingir que estou bem,quero deixar de sentir....."











Bem miguitos estas são as primeiras paginas aguardem pelas outras...

2 comentários:

  1. Olá Carmem... Mto legal da sua parte disponibilizar o que escreve...
    Sou uma fã de escrita tb... E tenho uma história para publicar tb... Mas ainda quero finalizá-la primeiro ^_^

    Parabéns pela iniciativa e pelo capricho!!!
    Bjos e td de bom!

    ResponderEliminar

por vezes é difícil concordar com o que escrevo podes deixar a tua opinião deste que não digas palavrões é na boa gosto quando os miguitos comentam o que escrevo beijokas fofas fiquem bem

Sound of the Desert